16 julho 2008

Vapor e mistério

Uma dobradura, um tronco, uma jangada, uma canoa, um barquinho, um barco, uma embarcação, um navio, um transatlântico...
E nada empede-nos de naufragar...
O dono do blog foi fazer um xixi e disse que já voltava. Mas não tá voltando...
Bati na porta, chamei e nada.
Ouvi barulho do chuveiro e uma música do Júlio Iglesias. E nada dele.
A greve já dura muito... Estou vendo a hora de a platéia jogar tomates na ventríloqua.
As máquinas estão paradas... é tudo silêncio e vapor, embaçando a visão de quem tenta enxergar o que se passa na cabeça do pseudo Júlio...

3 comentários:

Magno disse...

Olha...já que o mestre Julio foi citado...só tenho uma coisa como resposta...

"Usted es la culpable..."

Magno disse...

Olha o xixi é muito...
A porta tá quebrada...

Gosto muito de Julio Iglesias...
E a história criada é tão boa tão boa que depois dela resolvi voltar...
Em breve...ESTAREI AQUI NOVAMENTE...

Quem sabe o resultado é outro....

Déia Félix disse...

Isso mesmo, sem manhas...
Volta pro blog!